"O stress diário, o excesso de trabalho e os prazos apertados, levam-nos muitas vezes a descuidar na alimentação. Só que sem refeições saudáveis, não conseguimos angariar a energia necessária para enfrentar mais um dia de trabalho. Assim, há que fazer um esforço para manter uma dieta equilibrada, de forma a não prejudicar o rendimento. Factores negativos como o stress, variações de humor e desânimo, podem estar mesmo relacionados com uma má alimentação."

ESCOLHA QUAL CORPO VOCÊ DESEJA TER, E DECIDA QUAL ALIMENTO COMER.

ESCOLHA QUAL CORPO VOCÊ DESEJA TER, E DECIDA QUAL ALIMENTO COMER.

Welcome

Pesquisar este blog

Olha eu aqui ...





Arquivo

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Higienização dos legumes, frutas e verduras.

                                                 PARA CADA TIPO DE HIGIENIZAÇÃO








Mesmo frutas consumidas sem a casca, como a laranja ou a banana, por exemplo, devem ser lavadas em água corrente.



Normalmente a laranja fica exposta na cozinha e isso pode causar contaminação por algum bichinho que passe durante a noite. Quando descascamos a fruta, o contato das mãos pode contaminar o que será consumido.


A maneira correta de lavar os alimentos é em água corrente, sem detergente, e depois deixá-los imersos em uma solução de água com água sanitária ou hipoclorito de Sódio. A medida correta é uma colher de sopa de água sanitária para um litro de água. O alimento deve ficar imerso na mistura por 15 minutos.



Fique longe das buchas, pois elas podem danificar o alimento e favorecer a contaminação na água sanitária. Frutas, saladas ou legumes e verduras cozidos, antes de irem para a mesa, precisam ter a garantia de que estão livres de bactérias e larvas. Para ter esta certeza, a nutricionista Marisa Coutinho indica alguns preparados que desinfetam os alimentos crus depois de lavados em água corrente e dão a segurança que a sua família merece.


SOLUÇÃO DE VINAGRE 


A receita diz que é preciso colocar duas colheres de sopa de vinagre para cada litro de água. Daí, é só deixar
 as frutas mergulhadas neste preparado por 30 minutos. Se existirem larvas vivas, o vinagre não vai matá-las, mas faz com que se soltem das folhas. Então, é preciso passar novamente em água corrente para eliminá-las da salada.


SOLUÇÃO DE ÁGUA SANITÁRIA 


Também chamada de solução clorada ou de hipoclorito de sódio, é só colocar uma colher de sopa para um litro de água e deixar os alimentos por 15 minutos para eliminar larvas e bactérias. Depois, é lavar em água corrente. Para quem ainda fica com receio do cheiro do produto de limpeza, é só colocar os vegetais em uma solução de vinagre.


SOLUÇÃO COM HIDROSTERIL


Vendido em supermercados, farmácias e até feiras livres, é um preparado com hipoclorito de sódio e permanganato de potássio estabilizados que ajuda a higienizar os alimentos, eliminando larvas e bactérias. E o recomendado é colocar duas gotas do produto em meio litro de água e deixar por 15 minutos. Em seguida, é preciso lavar os alimentos em água corrente.

Fontes:  
http://www.folhavitoria.com.br/geral/blogs/nutricaoebeleza/2011/08/15/dicas-para-compras-e-higienizacao-de-frutas-e-legumes/


Nenhum comentário:

Receita para emagrecer: amor próprio

Você já percebeu que muitas pessoas são viciadas em cigarro, drogas, álcool, dinheiro, poder, trabalho, sexo, comida? O que há em comum em todas essas situações? Uma resposta seria a necessidade de fugir e a outra de sentir prazer, só que infelizmente por caminhos destrutivos. Todas são maneiras de preencher um vazio interno com algo externo. Com isso, a frustração e a insatisfação permanecem, diminuindo cada vez mais a auto-estima, pois a pessoa se sente incapaz.

Estamos num momento em que a busca pelo TER infelizmente sobrepõe-se facilmente ao SER. O que acontece? Por que as pessoas acreditam que ao obterem algo material ou externo, suas vidas mudarão? Por que, mesmo apesar dessa busca incessante, há tanta ansiedade, tensão, doenças? Por que tantas pessoas infelizes, sofrendo, sentindo-se sozinhas e principalmente, com uma sensação profunda de vazio? A solidão só é sentida quando a própria pessoa se abandona. Todos podem até te abandonar, mas você não pode nunca fazer o mesmo.

Do ponto de vista emocional, qualquer fuga é negativa, pois sempre que se foge de uma situação, na verdade se está fugindo dos próprios sentimentos. Ou, o que é pior, representa uma fuga de si mesmo e do que está dentro de si, ainda que inconsciente.

Por isso, mesmo depois de ter saciado sua vontade, sentido prazer - momentâneo, claro - o vazio continua.

Resultado: frustração, angústia, insatisfação e a sensação cada vez mais forte de não ser capaz, ou seja, a auto-estima despenca e a culpa se faz presente. Você já parou para pensar qual a causa desse vazio? O que está faltando? O que está buscando de verdade? Faça uma reflexão profunda consigo mesmo e ouça a resposta.

Você pode responder que falta dinheiro, sucesso, amor, reconhecimento, aprovação, mas será que buscando preencher esse vazio com algo externo, você consegue preenchê-lo? Com certeza poderá te causar mais angústia, não é mesmo? Na verdade, falta algo básico: amor-próprio. Já pensou nisso?

E como se amar? Conhecendo-se. Afinal só podemos amar quem conhecemos. Para isso é preciso desenvolver o autoconhecimento. Isso é ter consciência de suas emoções, necessidades, saber quem você é, o que quer, o que pensa, quais são seus valores, desejos, sonhos e principalmente, o que sente.

Pergunte-se agora: "O que estou sentindo?" Qual é a resposta que vem na sua cabeça? Ouvindo a resposta, procure respeitar o que sente, agindo de acordo com esses mesmos sentimentos. Trate-se com mais carinho, seja amoroso com você, da mesma forma que seria com alguém que ama. Afinal:

"NÃO PODEMOS AMAR NINGUÉM MAIS DO QUE NOS AMAMOS,
E NÃO PODEMOS RECEBER AMOR DE ALGUÉM,
ENQUANTO NÃO RECEBERMOS O NOSSO PRÓPRIO"